A mais nova animação Disney acompanha a jornada de Raya em busca do último dragão para salvar a humanidade. Conheça aqui algumas curiosidades sobre essa corajosa aventura no mundo da fantasia.


#1

Raya e o Último Dragão estreou ao mesmo tempo nos cinemas e no streaming através do Premier Access do Disney+. O filme possui um orçamento de cerca de 100 milhões de dólares.


#2

O filme conseguiu uma bilheteria de apenas 120 milhões de dólares. O valor pequeno é reflexo da pandemia de Covid-19. Mesmo com essa baixa bilheteria o filme figurou entre os 8 filmes com maior bilheteria de 2021 na época em que estava presente nos cinemas.


#3

O estilo de luta de Raya, com duas varas, é baseado na arte marcial filipina Kali, também conhecida como Arnis ou Escrima. O estilo de luta de Raya sem armas é baseado principalmente no estilo de arte marcial da Indonésia Pencak Silat. O estilo de luta de Namaari é baseado no estilo de luta tailandês de Muay Thai.


#4

A equipe de produção visitou Laos, Camboja, Tailândia, Vietnã e Indonésia para ter uma ideia de como projetar o reino encantado de Kumandra e sua cultura.


#5

O filme estava previsto para estrear em novembro de 2020, mas foi adiado para março de 2021 devido à pandemia de Covid-19.


#6

Com este filme, Raya se torna a nova Princesa Disney e assume o 13º trono das Princesas Disney. Raya é a quarta princesa da Disney a não ter um interesse amoroso depois de Merida, Elsa e Moana.


#7

Raya e o Último Dragão é o nono filme de animação da Disney a não ser baseado em nenhum trabalho já existente após O Rei Leão (1994), Dinosaur (2000), Lilo & Stitch (2002), Brother Bear (2003), Nem que a Vaca Tussa (2004), Selvagem (2006), Bolt (2008) e Zootopia (2016).


#8

A palavra “Raya” significa “ótimo” em malaio e indonésio.