Ir para conteúdo

Vamos falar de política!


Leonis

Recommended Posts

25 minutos atrás, L disse:

Eu me sinto lesado em vender roupas e pagar uma quantia alta de impostos, além de contratar funcionários custosos para faturar em uma semana R$ 3 mil, muitas vezes nem isso. Enquanto isso os bicheiros arrecadam por aqui ao menos uns R$ 100 mil por semana e não pagam impostos ou tem funcionários com carteira registrada.

Quanto será que arrecada a prostituição por aqui? Acho que bem mais que a minha "lojinha". E quanto paga de impostos? Nada. Isso é ser lesado legalmente.

Mas não se esqueça de todos os benefícios que você tem graças a isso. Você está amparado por lei e pode demitir e chamar a polícia caso um funcionário seu meta a mão no caixa, roube estoque etc. Bem mais barato do que contratar capangas e equipá-los com armas para uns vigiarem os outros e rezar para que a sangria não seja grande demais.

Também não superestime o mundo do crime, o imaginário sempre é maior do que a realidade. O jogo do bicho, como um todo, move muito dinheiro é verdade, mas esse ramo é composto por inúmeros bandidinhos pé de chinelo, que individualmente podem faturar menos do que você pensa e, como eu já disse, tem custos que você não tem para compensar a falta de amparo jurídico.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Novidade sobre jogos de azar do dia no Japão! Novo MGS anunciado hoje!

 

2 horas atrás, Mega disse:

Mas não se esqueça de todos os benefícios que você tem graças a isso. Você está amparado por lei e pode demitir e chamar a polícia caso um funcionário seu meta a mão no caixa, roube estoque etc. Bem mais barato do que contratar capangas e equipá-los com armas para uns vigiarem os outros e rezar para que a sangria não seja grande demais.

Também não superestime o mundo do crime, o imaginário sempre é maior do que a realidade. O jogo do bicho, como um todo, move muito dinheiro é verdade, mas esse ramo é composto por inúmeros bandidinhos pé de chinelo, que individualmente podem faturar menos do que você pensa e, como eu já disse, tem custos que você não tem para compensar a falta de amparo jurídico.

Amparo? Eu não tenho amparo. Eu sou empresa e toda empresa é sacana na justiça. A justiça não é cega e sem lados, ela está quase sempre do lado do empregado. Quem me dera eu ter um funcionário ruim, que fica respondendo, faz besteira e eu pudesse simplesmente demitir sem pagar uma multa cara de FGTS, aviso prévio, entre outros. Já tive empregado querendo me colocar na justiça com 3 meses de serviço por que achou pouco o valor que receberia na demissão. É sempre complicado uma demissão para pequenas empresas que tem que provar coisas que acontecem, pois na hora de confrontar o juiz em alguns casos é a palavra do patrão contra a do empregado e a do empregado é muito mais valorizada.

Quando o empregado é lesado, essa justiça parcial é bom para ele, pois ele terá mais chances de conseguir fazer justiça. Mas quando o empregador é lesado é bem mais complicado, principalmente empresas pequenas. :P

Eu trocaria todos os impostos por amparo zero do governo em questões fiscais, trabalhistas, etc sem pensar duas vezes. Provavelmente 90% faria o mesmo, esse custo não compensa o "amparo". Poderia até aumentar o salário do empregado sem tanto imposto. Não é a toa que boa parte das empresas não sobrevivem muito no Brasil e agora em crise é que não param de fechar. O custo é grande demais.

E sobre o jogo do bicho, eu falei da minha cidade, pois tenho ideia oficial de valores por eles próprios. Aqui todo mundo mais informado tem uma boa noção de quem manda, apesar de não ter provas. Coisas de interior nordestino cabra-da-peste... E não tem essa de caras armados para resolver coisa do bicho, o cara até tem seus seguranças mesmo. Uns 4, mas o que entra de dinheiro dá para pagar 3 salários ou mais para cada um (que não devem receber tudo isso) e ainda sobra muuuuito. Afinal, imposto é zero e cada bicheiro já pega sua parte na revenda do jogo. O dinheiro já entra livre para o cara que só precisa pagar os prêmios quando acontecem para não perder a credibilidade.

Jogo do bicho dá muuuuito lucro. E por isso querem legalizar e tem várias empresas que vão investir milhões nisso logo de cara. Sem falar que a própria Loteria da Caixa é um jogo de azar e é legal por aqui. Pois, para variar, o governo tem mais direitos do que a população.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Então está esperando o que? Fecha seu cnpj e avisa pros seus funcionários: a partir de agora é sem carteira assinada, mas o salário será o dobro!

Veja o que te acontece, veja se vale a pena. Veja se depois de molhar a mão de todos os policiais para escapar do xilindró realmente "sobra muuuuuito" para você e a sua família.

Quem paga seus impostos consegue dormir o sono dos justos. Quem vive da ilegalidade pode a qualquer momento perder tudo.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

1 hora atrás, Mega disse:

Então está esperando o que? Fecha seu cnpj e avisa pros seus funcionários: a partir de agora é sem carteira assinada, mas o salário será o dobro!

Veja o que te acontece, veja se vale a pena. Veja se depois de molhar a mão de todos os policiais para escapar do xilindró realmente "sobra muuuuuito" para você e a sua família.

Quem paga seus impostos consegue dormir o sono dos justos. Quem vive da ilegalidade pode a qualquer momento perder tudo.

Se eu fizer isso, meu negócio é fechado. Não tem apelo com fiscal federal.

Quem paga seus impostos consegue dormir o sono dos justos, isso eu concordo. Mas não deixa de ser lesado pelo país, pois sabemos o que é o Brasil.

Sobre sobrar ou não dinheiro, só posso falar do que eu conheço. Tem uma mansão enorme na melhor avenida da cidade, várias hectares de terra pela cidade e um helicóptero. Isso é o visível, não faço ideia de quanto ele tem no banco. :P

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Se eu fizer isso, meu negócio é fechado.

Então não diga que prefere a ilegalidade, não sinta inveja de bandidos.

Não tem apelo com fiscal federal.

Acho que isso depende do preço. Nada garante que todo federal seja incorruptível.

Quem paga seus impostos consegue dormir o sono dos justos, isso eu concordo.

Ok, estamos de acordo.

Mas não deixa de ser lesado pelo país, pois sabemos o que é o Brasil.

Mais uma vez estamos de acordo, não nego que a corrupção e a ineficiência do estado lesem o contribuinte. Meu ponto não é esse. O ponto é que mesmo apesar disso, você está em uma posição muito mais confortável do que alguém que em uma noite qualquer pode ter a porta da casa arrombada por policiais, ter a casa revirada, ser preso, perder todos os bens que acumulou, etc.

Sobre sobrar ou não dinheiro, só posso falar do que eu conheço. Tem uma mansão enorme na melhor avenida da cidade, várias hectares de terra pela cidade e um helicóptero. Isso é o visível, não faço ideia de quanto ele tem no banco.

Acho que estamos falando de coisas diferentes aqui. Eu estou falando do típico bicheiro de esquina, comum e autônomo, não do manda-chuva de uma rede de jogo do bicho. É como confundir um franquiado do Mc Donalds com o sócio majoritário do Mc Donalds. Claro que sempre sobra dinheiro, a controvérsia é sobre quantos k por semana.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

10 minutos atrás, Mega disse:

Então não diga que prefere a ilegalidade, não sinta inveja de bandidos.

E desde quando eu disse isso? Apenas fiz um comparativo. Ser ilegal tem diversos benefícios, nem por isso é algo que eu apoio. Justamente por isso apoio que legalizem o jogo de azar, assim como apoio que legalize a prostituição. 

Quem gosta de ilegalidade, ao meu ver, é quem diz o contrário. Pois se não são legalizados, continuarão ilegais e é utopia imaginar que serão extintos por essa razão.

 

12 minutos atrás, Mega disse:

Acho que isso depende do preço. Nada garante que todo federal seja incorruptível.

Verdade, mas falei do ponto de vista de pequeno empresário.

 

14 minutos atrás, Mega disse:

Acho que estamos falando de coisas diferentes aqui. Eu estou falando do típico bicheiro de esquina, comum e autônomo, não do manda-chuva de uma rede de jogo do bicho. É como confundir um franquiado do Mc Donalds com o sócio majoritário do Mc Donalds. Claro que sempre sobra dinheiro, a controvérsia é sobre quantos k por semana.

Pois é, justamente desde o início estou falando do chefe do jogo de bicho da minha cidade. :P

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

1 hora atrás, Mega disse:

Aqui:

 

 

Eu quis dizer que se assim fosse legal. Ou seja, se o governo não nos cobrasse impostos, mas também não dos desse esse "amparo" que você falou. Se legalmente fosse possível escolher, ficaria sem o "amparo". Mas infelizmente não é assim que funciona.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

  • 3 weeks later...

Nos EUA, Moro explica por que não julgou políticos do PSDB

 

Durante uma palestra no Wilson Center, em Washington, nos Estados Unidos, o juiz Sergio Moro afirmou que não julgou casos relacionado ao PSDB, pois os investigadores não encontraram evidências de que os diretores da Petrobras deram dinheiro para os tucanos.

Esse partido estava na oposição. Então, não faria sentido”, afirmou.

O juiz titular da Operação Lava Jato afirmou que julgou casos envolvendo três partidos: o PT, o PP e o Solidariedade.

“Mas há políticos respondendo investigações e acusações de outros partidos no Supremo Tribunal Federal (STF)”, ressaltou.

Para Moro, o PT está no foco das investigações pois era o partido que estava no governo desde 2003, quando as investigações identificaram um sistema de pagamento de propinas.

“Naturalmente, nessa situação, os políticos que aparecem são aqueles que administram a companhia estatal. E o PT está no poder desde 2003".

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Mas insistem em dizer que não, que votaram só na Dilma. Aí eu uso a analogia do Charge: tu não compra Charge sem amendoim. Se quer o chocolate e o caramelo vai ter que pagar pelo amendoim também. No caso, o amendoim é o Temer. Hahahahahahahahahaha!

  • Like 2
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Por falar em Dilma, está quase acabando a novela. A última votação que teve foi 59 x 21 contra Dilma. A próxima é a última e é com as mesmas pessoas. O resultado não deve ser muito diferente. Fica agora nessa dos governistas quererem antecipar e do PTista quer protelar. Mas cedo ou tarde finamente a novela acaba. Seja no fim de agosto ou no início de setembro.

Não dá mais para viver com esse fantasma. E mesmo que doa, já é chegada a hora de reformas e de consertar o Brasil. Detalhe, quem vai pagar pelo conserto somos nós.

Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Repensei a questão das cotas e mudei de ideia. Antes eu dizia que era contra as cotas para negros. O motivo que eu tinha para discordar era, que além de ser racista e anti-meritocracia, ela acima de tudo mascarava o verdadeiro problema.

Como todos sabemos, o problema é a educação pública defasada. Mas nenhum político tem vontade ou incentivo para melhorar a educação naquilo que realmente precisa ser melhorado: Melhores salários para o professor e melhores condições de trabalho, ou seja, as escolas precisam de infra estrutura adequada para propiciar um ambiente favorável ao ensino.*

Claro que os políticos querem reformas na educação, mas não as que ajudam a população. Eles querem, pelo contrário, em vez de investir, cortar gastos com salário de professor e com infra estrutura. Querem estabelecer "metas de produção" e "incentivos" aos professores através de bônus, que são prêmios em dinheiro que só servem para maquiar as estatísticas, criando artificialmente a ilusão de resultados.

Meu medo era que com as cotas, todas estas necessidades seriam colocadas em último plano, que elas serviriam para adiar a construção de um ensino público de qualidade.

Mas hoje vejo que independente da existência de cotas, o resultado seria o mesmo. As cotas não são a solução ideal, longe disso. Mas agora percebo que não se trata de escolher entre uma resposta ruim e uma resposta boa. Uma coisa não exclui a outra. E francamente, enquanto a nossa sociedade for capitalista, é apenas sonho acreditar em educação pública de qualidade. Então, na falta da solução correta, prevalece a medida paliativa que inegavelmente beneficia pessoas sem impedir a luta por uma educação de qualidade.

É sério! Veja bem: quem quer uma reforma adequada, que aumente o investimento em salários e condições de trabalho do professor, não fica impedido de modo algum a continuar lutando e exigindo isso! Quem quer de verdade, corre atrás! Não fica de mimimi.

Então, na falta do certo, vamos aceitando o errado.

Sendo a raça uma coisa muito mais fácil de averiguar do que o nível econômico de uma pessoa, e sendo alto o grau de correlação entre negros e pobres no Brasil... que assim seja. O mais lamentável disso é que brancos pobres que deveriam ser contemplados pelas cotas, serão excluídos e o negros de classe média vão receber uma vantagem injusta a seu favor. Mas ainda assim, haverão muitos negros batalhadores que finalmente terão uma chance real de completar o nível superior e sair diplomado em uma profissão.

É lamentável, é cheio de falhas, mas que lutem os que são a favor de algo melhor. O que não dá é para ficar sem fazer nada a respeito. Estou moderando o idealismo e o purismo, precisamos abraçar o pragmatismo pois nada nesse mundo é perfeito e cor de rosa. E que a revolta pela exclusão de brancos necessitados e pelo privilégio de negros abastados sirva de combustível para que se lute pela verdadeira solução, custe o que custar! Pois também sabemos que bebê que não chora não mama. Nada vai cair do céu aos que não se mexem (exceto negros de classe média e alta).

* = Não é de se admirar que a educação esteja uma merda quando as escolas mais parecem prisões, e os professores como agentes da gestapo!

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

1 hora atrás, Mega disse:

Repensei a questão das cotas e mudei de ideia. Antes eu dizia que era contra as cotas para negros. O motivo que eu tinha para discordar era, que além de ser racista e anti-meritocracia, ela acima de tudo mascarava o verdadeiro problema.

Como todos sabemos, o problema é a educação pública defasada. Mas nenhum político tem vontade ou incentivo para melhorar a educação naquilo que realmente precisa ser melhorado: Melhores salários para o professor e melhores condições de trabalho, ou seja, as escolas precisam de infra estrutura adequada para propiciar um ambiente favorável ao ensino.*

Claro que os políticos querem reformas na educação, mas não as que ajudam a população. Eles querem, pelo contrário, em vez de investir, cortar gastos com salário de professor e com infra estrutura. Querem estabelecer "metas de produção" e "incentivos" aos professores através de bônus, que são prêmios em dinheiro que só servem para maquiar as estatísticas, criando artificialmente a ilusão de resultados.

Meu medo era que com as cotas, todas estas necessidades seriam colocadas em último plano, que elas serviriam para adiar a construção de um ensino público de qualidade.

Mas hoje vejo que independente da existência de cotas, o resultado seria o mesmo. As cotas não são a solução ideal, longe disso. Mas agora percebo que não se trata de escolher entre uma resposta ruim e uma resposta boa. Uma coisa não exclui a outra. E francamente, enquanto a nossa sociedade for capitalista, é apenas sonho acreditar em educação pública de qualidade. Então, na falta da solução correta, prevalece a medida paliativa que inegavelmente beneficia pessoas sem impedir a luta por uma educação de qualidade.

É sério! Veja bem: quem quer uma reforma adequada, que aumente o investimento em salários e condições de trabalho do professor, não fica impedido de modo algum a continuar lutando e exigindo isso! Quem quer de verdade, corre atrás! Não fica de mimimi.

Então, na falta do certo, vamos aceitando o errado.

Sendo a raça uma coisa muito mais fácil de averiguar do que o nível econômico de uma pessoa, e sendo alto o grau de correlação entre negros e pobres no Brasil... que assim seja. O mais lamentável disso é que brancos pobres que deveriam ser contemplados pelas cotas, serão excluídos e o negros de classe média vão receber uma vantagem injusta a seu favor. Mas ainda assim, haverão muitos negros batalhadores que finalmente terão uma chance real de completar o nível superior e sair diplomado em uma profissão.

É lamentável, é cheio de falhas, mas que lutem os que são a favor de algo melhor. O que não dá é para ficar sem fazer nada a respeito. Estou moderando o idealismo e o purismo, precisamos abraçar o pragmatismo pois nada nesse mundo é perfeito e cor de rosa. E que a revolta pela exclusão de brancos necessitados e pelo privilégio de negros abastados sirva de combustível para que se lute pela verdadeira solução, custe o que custar! Pois também sabemos que bebê que não chora não mama. Nada vai cair do céu aos que não se mexem (exceto negros de classe média e alta).

* = Não é de se admirar que a educação esteja uma merda quando as escolas mais parecem prisões, e os professores como agentes da gestapo!

Não é mais interessante cotas para alunos de escola pública?

  • Like 1
Link para o comentário
Compartilhar em outros sites

Crie uma conta ou entre para comentar

Você precisar ser um membro para fazer um comentário

Criar uma conta

Crie uma nova conta em nossa comunidade. É fácil!

Crie uma nova conta

Entrar

Já tem uma conta? Faça o login.

Entrar Agora
×
×
  • Criar Novo...